Home

Dr. Edson

Vídeos

Fotos

Local

Contato

 

" Cozinhar é uma arte. Degustar é um prazer. Comer é uma necessidade. Comer de forma equilibrada e com prazer é o ideal para a saúde."

Esclarecimento sobre a falta de apetite

Em geral, toda criança que come pouco é considerada pelos familiares criança com falta de apetite, isto porque, não comen a quantidade desejada pelos pais. Os pais por sua vez, de forma incorreta, querem que a criança coma mais, inicialmente através de agrados e, depois de ameaças e castigos. A criança reage com uma atitude negativa, recusando totalmente os alimentos. Inicia-se então as consequências da recusa alimentar, a saber: DESNUTRIÇÃO, BAIXO DESENVOLVIMENTO, INFECÇÕES DE REPETIÇÃO, além dos distúrbios emocionais (angústia da criança e dos pais).

O objetivo do tratamento é quebrar a resistência da criança ao ato de comer e mostrar-lhe que comer, além de estritamente necessário, ainda é um dos prazeres da vida. Para reativar este prazer é preciso muita paciência.

Oferecer inicialmente, os alimentos em um prato pequeno (de sobremesa), porém sempre com um pouco de tudo o que foi feito no dia. Elogiar quando a criança aceitar (mesmo que pouco) ou mostrar tristeza quando não, explicando o porque.

É muito importante que sejam respeitados os horários e o tipo de refeição, por exemplo: 7hs - leite; 9hs - fruta ou ovo quente; 12hs - almoço + fruta; 15hs - leite ou mingau ou vitamina de frutas; 18hs - jantar + fruta e 21hs - leite.

É muito importante também que sejam retirados da rotina do cardápio as guloseimas (refrigerantes, doces, danones, yakult, salgadinhos, etc...)

As guloseimas devem ser compradas apenas uma vez por semana ou a cada 15 dias (no sábado ou domingo), em pequenas quantidades para que não haja sobras, somente para agradar ou "matar a vontade".

NUNCA FAZER ESTOQUE DESSES ALIMENTOS, pois enquanto a criança souber que existem esses alimentos na casa, irá pedi-los insistentemente.

Devo alertá-los ainda, que não é só o corpo da criança que está crescendo, mas também seu cérebro (a cabeça), e que, portanto, se a criança não for muito bem alimentada agora, poderá ter problemas de inteligência na vida de adolescente/adulto.

 

Clínica Infantil - Dr. Edson Trevisan - Todos os direitos reservados - Desenvolvido por Nery Systems